carregando vinho

Domaine Pêre-Caboche Châteauneuf-du-Pape AOC Blanc 2018

Um produtor de peso, com 400 anos de história em Châteauneuf, este raro vinho branco está pé a pé com qualquer Pouilly-Fuissé ou Chardonnay da Napa Valley!

Domaine Pêre-Caboche Châteauneuf-du-Pape AOC Blanc 2018

Um produtor de peso, com 400 anos de história em Châteauneuf, este raro vinho branco está pé a pé com qualquer Pouilly-Fuissé ou Chardonnay da Napa Valley!

Frete Grátis*

Compra 100% segura!

Selos e premiações

Harmonize com

Unidade

Caixa

Frete Grátis*

Compra 100% segura!

Características

Sobre o produto

Domaine Pêre-Caboche Châteauneuf-du-Pape AOC Blanc 2018


Gosta de Pouilly-Fuissé e Saint Roman, os brancos elegantes do sul da Beaune e Maconnais à base e Chardonnay, que oferecem fruta plena, excelente acidez, corpo e complexidade?

Então vale muito a pena conhecer o Châteauneuf-du-Pape blanc, a resposta formidável do Rhône ao estes vinhos incríveis da Borgonha.

Só 3% dos vinhos produzidos na AOC Châteauneuf-du-Pape são brancos, são raridades até na própria França, ainda mais nos últimos anos, pois as geadas das primaveras de 2016 e 2017 reduziram muito o rendimento de cada safra.

Este é um dos meus favoritos. Père-Caboche é uma das famílias de velha guarda da região e seu terroir está entre os melhores. Em 2018 produziram poucas garrafas do seu vinho branco mas a qualidade é excepcional.

O lindo blend de 40% Clairette, 30% Bourboulenc e 15% cada Grenache Blanc e Roussanne é um cuvée que enfatiza frescor sobre o peso, é encorpado e redondo, mas cheio de sabores cítricos e com ótima acidez.

Ao abrir o vinho recomendo deixar na taça ou decanter por uns 90 minutos, começará a abrir maravilhosamente em aromas de pêssego branco, pera e até gengibre.

Em boca pode esperar fruta gorda e fresca, de pêra branca até o tropical, abacaxi maduro, manga, goiaba branca também limão. A acidez é excelente, um contraste necessário para dar equilíbrio a este vinho que tem bastante estrutura e peso natural (o sul do Rhône possui um clima mediterrâneo e faz muito calor, os vinhos da Châteauneuf sempre tem uma alta graduação alcoólica e corpo pleno, justamente por isso o produtor optou por usar tanques de inox em vez de carvalho para estagiar o vinho antes engarrafa, pois o uso de madeira teria sido exagero).

Atualmente está sendo avaliado pelos críticos mas este vinho sempre arranca entre 91 - 93 Pontos. Nesta safra eu dou 93 Pontos.

Acho que facilmente aguenta mais 5 - 8 anos na adega.

Para harmonizar com barriga de leitão, uma seleção de queijos meia cura (um bom canastra será excelente) ou uma galinhada apimentadinha.

História

Desenvolvido por Mktnow