MATIAS RICCITELLI OLD VINES FROM PATAGONIA CHENIN BLANC 2020

Mendoza, Argentina
Mendoza, Argentina

MATIAS RICCITELLI OLD VINES FROM PATAGONIA CHENIN BLANC 2020

Um encorpado Chenin Blanc da Patagônia, elaborado pelo renomado enólogo Matias Riccitelli e aclamado com altas pontuações pela crítica internacional!

Selos e premiações

  • organico
  • JS 94
  • RP 94
  • V 93

Harmonize com

  • PeixesPeixes
  • VegetarianosVegetarianos
  • Frutos do marFrutos do mar

Melhor custo/benefício

Quantidade
Vendido e entregue por: Sonoma Market

Teor Alcoólico

12.00%

Temperatura

12.00 °C

Uva/Corte

  • Chenin Blanc

Sobre o produto

Old Vines From Patagonia é um projeto audacioso de Matias Riccitelli para recuperar vinhedos com mais de 50 anos, e alguns centenários da zona de Rio Negro, na Patagonia.

O Riccitelli Old Vines Chenin Blanc, vem de vinhedos plantados na década de 1960 a uma altitude de 980 e 1.120 metros acima do nível do mar.

Metade deste vinho é fermentado com as cascas, e isso explica em partes o seu volume intenso, a sua textura firme, quase tão estruturado quanto um vinho tinto. Além disso, permaneceu em ânforas por 8 meses. Oferece aos sentidos, aromas de ervas, frutas brancas maduras e frutas cítricas, como limão siciliano e lima. Ao mesmo tempo uma austeridade que impressiona e indica que este branco vai envelhecer bem por pelo menos uma década.

Ao palato, se mostra encorpado e sedoso. Traz sabores intensos de frutas brancas e cítricas, envoltas em uma mineralidade instigante e notas terrosas, que se completam com uma pitada de sal e pimenta preta, e claro, uma acidez vibrante! Fantástico!

Harmoniza perfeitamente bem com ostras, vieiras, risoto de frutos do mar ou uma deliciosa moqueca vegetariana.


95 Pontos - Descorchados

94 Pontos - James Suckling

Aromas de raspas de limão, abacaxi seco, carambola, cera de abelha e amêndoas trituradas. É de corpo médio com acidez brilhante e picante. Concentração fantástica de frutas com pedras, sal marinho e flores brancas que combinam perfeitamente com frutas cítricas frescas e frutas tropicais. Bastante linear e apertado. Porque esperar? Beba agora.

94 Pontos - Robert Parker - O nariz é reticente e austero e o paladar afiado. O vinho tem força e profundidade interior; é texturizado e termina com uma acidez cítrica vibrante e um toque salino. Mostra o potencial das vinhas velhas da Patagônia. Incrível.

93 Pontos - Vinous

História

O despojado enólogo Matias Riccitelli é, ao lado de seu pai Jorge Riccitelli, atualmente um dos maiores nomes da enologia de toda a Argentina.

Em 2009, encontrou uma antiga vinícola em Luján de Cuyo, Mendoza, e fundou a Riccitelli Wines.

Ao todo, são 50 hectares divididos em três vinhedos de altitudes diferentes, que variam de 980 a 1120 metros acima do nível do mar.

O seu objetivo é expressar todo o potencial do terroir argentino produzindo vinhos “top”.

Depois de lançar o seu projeto autoral, foi considerado o Melhor Enólogo do ano de 2012 pela revista norte-americana Wine Enthusiast.

Encontramos outros produtos que você pode gostar!
Whats App Message