FLAHERTY CAUQUENES 2020

Valle del Maule, Chile
Valle del Maule, Chile

FLAHERTY CAUQUENES 2020

“Vinho de boutique versátil encorpado e pronto para beber”

Selos e premiações

Harmonize com

  • CarnesCarnes
  • MassasMassas
  • QueijosQueijos

Melhor custo/benefício

Quantidade
Vendido e entregue por: Sonoma Market

Teor Alcoólico

15.10%

Tempo de Barrica

18 meses

Temperatura

14.00 °C

Uva/Corte

  • País
  • Petite Sirah
  • Tempranillo

Sobre o produto

Utilizando as técnicas de cultivo a seco, as vinhas do Cauquenes, na Região do Maule do Chile, são favorecidas pela influência refrescante do Pacífico. Solos profundos e argila roxa com granito permitem a vinificação de Tempranillo e Petite Sirah resistentes.

Além dessas uvas, o blend Flaherty Cauquenes 2020 é incrementado pela uva País, típica das tradições vitícolas ancestrais de Cauquenes, também chamada de Criolla Chica, e patrimônio chileno.

Com 52% Tempranillo, 39% Petit Syrah e 9% País, este tinto reflete a riqueza rústica de Cauquenes desde os aromas ao paladar.

90 m no dercanter. aromas de nivea creme hidratante de leite de rosas. que vinhaço. tão suculento e morangudo mas. lari sentiu manga verde com sal. tomando da garrafa. masi enrolado, menos aberto. 90m no decanter fez toda a diferença. que vinhaçø. macio e suculento e abriu total mas corpo. blackberry e fruta preta e ameixa total, mas a frut an˜zao é opulento, não predominda, o vinho é uma fluidez que remeted velhor mundo. vinhaço. adoramos a densidade aportada pelo peti sirah.

De sua cor vermelho intenso e reflexos granada, em taça, abre-se para notas de framboesa fresca, ameixa, especiarias, baunilha, couro e um toque de grafite.

Em boca, traz amora silvestre e alcaçuz onde revela seus taninos suculentos.

Complexo e intenso, pode ser ótima companhia para uma parrillada, com carnes ao ponto para mal, além de compor bem com ragu e outros ensopados de carne e queijos duros e curados.

História

Ed Flaherty e Jen Hoover são um casal de californianos que veio ao Chile em 1993 para trabalhar em uma vindima. A experiência aos pés da Cordilheira dos Andes os fez se apaixonarem pelo Vale do Aconcágua e pelo clima excepcional para produção de uvas maduras com taninos suaves e sabores primários intensos de frutas.

Desde que chegou, Ed trabalhou em algumas das melhores vinícolas da indústria chilena, incluindo a Cono Sur, a Errázuriz e a Tarapacá. Como enólogo-chefe, ele passava mais tempo fazendo trabalho administrativo e na sala de degustação do que na adega propriamente dita.

Em 2004 o casal funda a Flaherty Wines, conseguindo, assim, voltar a trabalhar diretamente na vinificação. A Flaherty é uma das poucas vinícolas boutique do Chile. No primeiro ano, a produção se limitou a 1.200 garrafas de um único assemblage tinto, crescendo para aproximadamente 40.000 garrafas em 2015, com três assemblages diferentes, de uvas provenientes de Cauquenes e do Vale do Aconcágua.

Em 2016, a produção foi bastante similar. Cerca da metade do vinho produzido pela vinícola é vendido no Chile, enquanto o restante é exportado para o Brasil, Alemanha, Coreia e Estados Unidos.

A Flaherty Wines é uma das fundadoras do Movimiento de Viñateros Independientes (MOVI), uma associação de vinícolas independentes com participação direta de seus proprietários.

Não raro, ao se chegar à vinícola, Ed está na adega elaborando seus blends e Jen na cozinha, combinando ingredientes para deleitar os visitantes ou alimentar a equipe.

Whats App Message