BACALHOA JP AZEITÃO TINTO 2021

Península de Setúbal, Portugal
Península de Setúbal, Portugal

BACALHOA JP AZEITÃO TINTO 2021

Um blend da Península do Setúbal, muito bem equilibrado e que entrega toda a tipicidade do seu terroir

Harmonize com

  • PeixesPeixes
  • VegetarianosVegetarianos
  • AvesAves
  • Frutos do marFrutos do mar

Melhor custo/benefício

Quantidade
Vendido e entregue por: Sonoma Market

Teor Alcoólico

13.50%

Temperatura

14.00 °C

Uva/Corte

  • Aragonêz
  • Castelão
  • Syrah

Sobre o produto

Produzido pela Bacalhôa na Península de Setúbal, em Portugal, esse vinho é uma excelente pedida para quem gosta de tintos mais frutados e modernos.

A colheita de 2021 foi produzida com um blend de 34% Syrah, 33% Castelão e 33% Aragonez, em solos argilo-calcários bem drenados e em uma região de clima ameno, com forte influência atlântica, fatores que contribuíram para a maturação perfeita destas variedades, originando exemplares expressivos e únicos.

Com maior proporção, quase idêntica entre as castas, esta safra apresenta cor vermelha e vibrante. No nariz entrega aroma frutado com predominância das nuances de frutos silvestres (morango e cereja ginja).

Em boca, acompanha as notas aromáticas, integrados em estrutura tânica suave e fresca.

Um blend muito bem equilibrado, os sabores de fruta plena da Aragonez, a leveza da Castelão e o poder da Syrah se mesclam em um lindo, frutado e vibrante tinto do Setubal.

É um vinho ideal para acompanhar pratos leves de carne e bacalhau ou legumes grelhados, podendo ser servido mais fresco que o usual em tintos.

*Uso de cupom não é válido para essa oferta.

História

Considerada uma das mais belas quintas da época medieval ainda existentes em Portugal, a Quinta da Bacalhôa é uma antiga propriedade da Casa Real Portuguesa. Localizados em Azeitão, a Quinta e o famoso Palácio da Bacalhôa constituem um monumento artístico de maior relevância para o país.

Em 1936, o Palácio da Bacalhôa foi comprado e restaurado pela americana Orlena Scoville, cujo neto assumiu a missão, na década de 1970, de torná-la uma das maiores produtoras de vinho em Portugal. A arquitetura do Palácio, bem como a sua decoração e jardins, foram influenciados ao longo dos séculos pelos diferentes proprietários, que por sua vez foram inspirados pelas suas viagens através da Europa, África e do Oriente.

Atualmente a Quinta da Bacalhôa faz parte da Fundação Berardo, que pertencente à família do mesmo nome e cujo patriarca é o Comendador José Berardo.

Encontramos outros produtos que você pode gostar!
Whats App Message