BARON PHILIPPE DE ROTHSCHILD CÉPAGES MERLOT PAYS D’OC 2019

Languedoc, França
Languedoc, França

BARON PHILIPPE DE ROTHSCHILD CÉPAGES MERLOT PAYS D’OC 2019

Assinado pela família Rothschild, um Merlot que celebra a máxima francesa “joie-de-vivre”.

Harmonize com

  • CarnesCarnes
  • MassasMassas
  • VegetarianosVegetarianos
  • QueijosQueijos

Avise-me

Teor Alcoólico

14.00%

Descanso

10 min

Temperatura

18.00 °C

Uva/Corte

  • Merlot

Sobre o produto

“Joie-de-vivre” é uma expressão francesa que quer dizer, em tradução literal, alegria de viver. Ela resume perfeitamente bem o espírito francês de celebrar a vida, dando importância a cada detalhe de forma a não desperdiçar nenhum momento.

E a linha Cépages, assinada pela Baron Philippe de Rothschild, imprime exatamente este sentimento em cada garrafa. Destaca as principais variedades francesas (que ganharam o mundo e hoje tornaram-se internacionais) em vinhos simples, mas deliciosos e feitos com o know-how da família que comanda os Château Mouton Rothschild, Château Clerc Milon e Château d’Armailhac.

Cépages nasceu de um novo empreendimento da família Rothschild no Languedoc, um terroir que está cada vez mais famoso entre os grandes e tradicionais vignerons franceses, por possibilitar a elaboração de vinhos de alta qualidade que possam ser vendidos por um valor extremamente acessível.

O Merlot é generoso, puro deleite. Tem aromas sedutores de fruta vermelha fresca - morango e framboesa - com toques terrosos que são a marca registrada da uva. No paladar, é amplo, saboroso e sedoso, com taninos macios e final equilibrado.

Um vinho para o piquenique ou para embalar um filme de comédia-romântica. Harmoniza perfeitamente bem com sanduíche de presunto cru, espaguete à bolonhesa ou cogumelos na brasa.

História

Em 1922, Baron Philippe de Rothschild, assumiu os negócios da família precocemente aos 20 anos. Com espírito jovem e inovador, ele impôs uma revolução - que depois viria a se tornar regra - em Bordeaux: insistiu para que o vinho, antes comercializado em barris, passasse a ser engarrafado na propriedade, fazendo com que ganhasse mais valor no mercado. Essa foi apenas a primeira de muitas tendências que ditaria nos próximos 60 anos no comando do império Rothschild.

Movido pela ambição de fazer os melhores vinhos do mundo - algo que se reflete nos vinhos do Premier Cru Château Mouton Rothschild, Château Clerc Milon e Château d’Armailhac -, empreendeu novos projetos e utilizou o seu know-how para produzir grandes vinhos em Bordeaux, Languedoc-Roussillon, Chile e Estados Unidos, com a assinatura da poderosa família.

Encontramos outros produtos que você pode gostar!
Whats App Message