BODEGA NORTON ALTURA PINOT NOIR 2020

Mendoza, Argentina
Mendoza, Argentina

BODEGA NORTON ALTURA PINOT NOIR 2020

A Linha Altura, da Bodega Norton, recebe esse nome porque é elaborada sempre com frutos de vinhas de altitude. No Caso desse Pinot Noir, o vinhedo de origem fica a 1.580 metros acima do nível do mar, em Gualtallary.

Por lá o solo é rico em a

Selos e premiações

  • GD 95
  • JS 91
  • TA 91

Harmonize com

  • VegetarianosVegetarianos
  • HamburguerHamburguer
  • QueijosQueijos

Melhor custo/benefício

Quantidade
Vendido e entregue por: Sonoma Market

Teor Alcoólico

14.00%

Descanso

30 min

Temperatura

16.00 °C

Uva/Corte

  • Pinot Noir

Sobre o produto

A Linha Altura, da Bodega Norton, recebe esse nome porque é elaborada sempre com frutos de vinhas de altitude. No Caso desse Pinot Noir, o vinhedo de origem fica a 1.580 metros acima do nível do mar, em Gualtallary.

Por lá o solo é rico em areia, mas também em cal, o que ajuda na drenagem da vinha, e também traz frescor e acidez para o Vinho. Após a fermentação o Pinot é envelhecido em ovos de Concreto (um método parecido com os da linha Eggo da Zorzal) por aproximadamente 6 meses.

O concreto preserva a qualidade da fruta, trazendo um caráter mais jovem e festivo Ao Vinho, que não afeta sua elegância e finesse. David Bonomi, enólogo que assina os vinhos da Norton, foi eleito o melhor enólogo da Argentina em 2020. O resultado foi um vinho deslumbrante, com muita elegância e Intensidade. No nariz é possível sentir notas de morango maduro, baunilha, mocha e aromas de flores e ervas secas.

De corpo médio, tem deliciosa acidez que chega acompanhada de Uma mineralidade refrescante. Com taninos polidos e sedosos no final. Sugerimos harmonizá-lo com um hambúrguer gourmet, queijos de casca branca como brie e camembert, ou um suculento risoto ao Funghi.

95 Pontos - Guia Descorchados

91 Pontos - James Suckling

91 Pontos - Tim Atkin

História

A história da Norton começa em 1895, quando o engenheiro Edmund James Palmer Norton chegou de Edimburgo, Escócia, a Mendoza, para trabalhar na ferrovia que iria cruzar a cordilheira até o Chile. Chegou, firmou família, ficou.

A esposa, Mariana Mirtez, vinha de uma família de produtores de uvas em Luján de Cuyo, e após o casório, Edmund resolveu aplicar seus conhecimentos em engenharia para aprimorar os vinhedos. Poucos anos depois, em 1900, nasce a Bodegas Norton.

Em 2015 Bodega Norton completou 120 vindimas e está consolidada como uma das marcas mais exportadas da Argentina para o mundo. Moderna, plantada no coração de Luján, é uma das gigantes de Mendoza.

Encontramos outros produtos que você pode gostar!
Whats App Message